quinta-feira, 6 de outubro de 2011

... amar é para os loucos....

... mais doido é quem me diz, e não é feliz....


Posso parecer maluca por escrever coisas que posso te dizer a qualquer hora. Mas sou assim mesmo. Maluca por letras, palavras bonitas, coloridas e simples. Embora escreva pouco, ainda tenho uma paixão incontrolável por registrar aquilo que sinto e penso.  E agora, o que quero dizer, não importa a quem, é que estou feliz. Tenho muita sorte por poder dividir todos os meus dias com ele. Todas as preocupações, frustrações, alegrias, loucuras e bobagens que antes eram só minhas, agora são nossas.

Meu coração e minha alma estão mais leves por não estarem mais sozinhos. Porque a verdade é que não gosto de ser sozinha. Eu aprendi e consigo ser sozinha, mas não gosto mesmo. Ainda mais depois de conhecê-lo e entender que amar alguém pode ser fácil, delicioso e, o melhor, não dói não. Não precisa de drama, sofrimento e grandes sacrifícios. O amor é espontâneo e recíproco. Simples assim.

É claro que nada nesta vida é perfeito. Nem o amor. Tem a casa pra limpar, as esquisitices de cada um, roncos, noites mal dormidas, cachorros pra educar, contas pra pagar, o stress do trabalho, enfim, os problemas estão aí pra todo mundo. Mas a graça de tudo isso é ter problemas junto com alguém e poder rir de tudo depois.

Podem dizer o que for. Que o amor é cafona, não existe, que casar é para os caretas que gostam de tédio. Mas eu estou aqui para provar que não. Gente, casar é uma loucura. É rock and roll na veia. Tem que ser muito doido pra entrar nessa. Porque não é só a festa, assinar um papel e entrar pro time da vidinha bege. Casar é aprender a ser cúmplice e a se divertir mesmo quando as coisas dão errado. Casar é escolher uma pessoa entre todas as outras. É acreditar, de verdade, que é ele o amor da sua vida. Ter essa certeza, eu sei, é para poucos. Poucos e loucos. E a gente é doido de pedra.  

4 comentários:

Thais França disse...

Muito legal seu post, Mari! Moderninho e romântico, sua cara :)
Hoje em dia o amor é realmente só para poucos, poucos loucos que o entendem, respeitam e topam embarcar nessa doideira a dois.

Bjos, adoro o casal 'Júnior'!

Leleca disse...

Querida, parabéns pelo casamento! Post lindo, a cara de quem ama muito e aproveita cada momento. Felicidades sempre! Beijão!

Bárbara Rost disse...

Amei o post, principalmente quando voce disse "O amor é espontâneo e recíproco. Simples assim."
O dia a dia nao é facil, todos temos dias ruins, é por isso que, somente o amor consegue passar por isso tudo...
Desejo do fundo do coração que voces sejam cada dia mais felizes e que possam rir sempre depois de contornados os problemas!!
Um beijo

Debora Coneglian disse...

amiga, que lindo isso tudo. Assino em baixo com unhas e dentes: casada.
beijos pra voce.